Saiba qual é a hora certa de refazer o rejunte de piso e revestimentos

Construprice - refazer o rejunte de piso e revestimentos

Para quem não está muito familiarizado, rejunte de piso é o produto que dá acabamento aos revestimento dos cômodos. Com o tempo, ou por alguma falha de aplicação, é possível que ele fique feio e desgastado. Com isso, mesmo que os revestimentos estejam em perfeito estado, fica a impressão de que o ambiente está mal cuidado.

Se isso está acontecendo em algum cômodo da sua casa, é hora de refazer o rejunte e dar cara nova ao ambiente! O passo a passo para renovar o acabamento dos revestimentos é simples e pode ser feito sem ajuda profissional, no estilo DIY. Confira e faça você mesmo!

Quando refazer o rejunte de piso e revestimentos?

Quando o rejunte está com falhas

Pode acontecer de, pela ação do tempo ou pela má aplicação, o rejunte de piso e de paredes apresentar rachaduras ou falhas. Nesse caso, você pode refazê-lo, raspando o antigo e aplicando um novo.

Quando você quer trocar a cor do rejunte

Se você mudou para uma casa ou um apartamento que não foi construído por você, pode ser que exista, em algum ambiente, uma combinação de revestimento e rejunte que não te agrada. Nesse caso, também é possível refazê-la, independentemente de qual seja o cômodo em questão, retirando o rejunte antigo e aplicando uma nova cor no acabamento.

Quando o rejunte está sujo ou desgastado

Se o piso ou o revestimento estão em bom estado, mas o rejunte está tão sujo que não há forma de limpá-lo, é possível refazê-lo para dar um novo acabamento ao ambiente. É muito comum isso acontecer em áreas molhadas, como box dos banheiros, que acabam acumulando sujeira entre as peças. Nesse caso, por exemplo, para refazer o rejunte do piso e das paredes, é preciso deixar a superfície completamente seca.

Como renovar o rejunte de piso e de revestimentos?

Renovar o rejunte de piso e de revestimentos é um dos pequenos reparos que você pode fazer no estilo DIY. O processo é simples e existem apenas alguns detalhes aos quais é preciso ficar atento:

1 – Antes de começar, é preciso avaliar. Se o rejunte atual tiver deixado menos de 2 mm de profundidade “sobrando” no acabamento, tiver falhas ou for de outra cor, será preciso raspá-lo para aplicar um novo. Caso contrário, existe a opção de aplicar um novo rejuntamento por cima do antigo, contanto que a superfície esteja completamente limpa, sem resíduos de sujeira, óleo ou ceras e resinas.

2 – Caso vá raspar o rejunte, o passo a passo deve ser o seguinte: com um raspador, retire aproximadamente 50% de profundidade do rejunte de piso ou revestimento antigo, tomando cuidado para não danificar as peças. Em seguida, com um pincel ou vassoura e, depois, com um pano úmido, retire todo o pó.

3 – Antes de aplicar o novo rejunte, é preciso certificar-se de escolher o tipo certo de acabamento, de acordo com a área em que será aplicado, e prepará-lo conforme as instruções na embalagem – exceto no caso do rejunte acrílico, que já vem pronto para ser aplicado.

4 – Uma vez pronto para ser colocado entre as peças do piso ou da parede, aplique o rejunte com a espátula de plástico, fazendo movimentos diagonais. É importante que o espaço entre as peças seja completamente preenchido, para que o resultado final seja satisfatório. Em seguida, limpe o excesso do produto com uma esponja ou um pano úmido e espere secar.

Algumas instruções específicas

No caso do rejunte epóxi, é preciso fazer a limpeza a cada metro quadrado do rejunte aplicado, pois ele seca mais rápido. Já em rejunte cimentício aplicado em áreas secas (ou seja, preparado com água), você deve aplicar um selante em toda área rejuntada, depois de passar a esponja úmida; em seguida, você deve realizar uma segunda limpeza com pano úmido para finalizar.

Independentemente do tipo de rejunte do piso e dos revestimentos, evitar produtos químicos e abrasivos no dia a dia vai preservá-lo por mais tempo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *